Tudo Que Uma Garota Quer


Ficha Tecnica
Data de Lançamento: 27 de março de 2003 (EUA)
Diretor: Dennie Gordon
Música composta por: Rupert Gregson-Williams
Roteiro: Jenny Bicks, Elizabeth Chandler
Duração: 1h 45m

Hey everybody! Como vocês estão? Bem...eu estou um pouco desanimada com algumas coisas que estão acontecendo sem falar que hoje tenho duas aulas de químicas (Argh! Detesto essa matéria assim como a aula e a professora), mas estou feliz porque finalmente tenho livros para ler e melhor ainda, estou lendo "Fallen" e depois irei ler o que eu tanto esperei, "As Vantagens de Ser Invisível", pelo menos isso para me animar. Esses dias, eu fiquei louca pra assistir algum filme (porque infelizmente eu não tenho mais tempo e porque na televisão não passa mais nada que preste!), até que nesse sábado glorioso eu estava mudando de canal, e para a minha surpresa esta passando esse filme na sbt, que eu adoro e estava morrendo de saudades de assistir até comentei com a vaquinha da Dheilla, minha melhor amiga (não liguem para o apelido carinhoso que eu dei para ela, é assim que a gente demonstra nosso amor, rsrsrs), então euzinha aqui resolvi fazer uma resenha sobre este filme.
Daphne (Amanda Bynes, eu era sua fã desde pequena, garota!) é uma garota que vive e trabalha com a mãe, e que descobre o paradeiro do pai (Colin Firth), um poderoso político que está do outro lado do oceano Atlântico.
Para encontrá-lo, ela larga sua vida comum e parte para a Inglaterra, onde muitas confusões a esperam.Eu gosto bastante desse filme como já tinha tido, assim como a maioria da atriz Amanda Bynes (protagonista do filme), os quais quase todos eu já assisti, e assim também como eu adoro quase todas as suas personagens (menos a Marianne de Easy A), mas as principais são a Daphne e a Vaiola de Ela é O Cara, pois as duas são garotas de atitude, simpáticas e corajosas, e eu gostaria de ser assim.Também morro de rir com a relação entre a Daphne e seu pai, o Lord Dashwood, ou melhor Henry, o mais engraçado dessa situação é que os dois são completamente iguais e ao mesmo tão diferentes, enquanto seu pai tem que manter a classe para a sociedade, já que esta prestes a se tornar o presidente, Daphne só acaba entrada em confusões e muitas vezes isso acaba a afetando o pai também.Ou seja ele não tem que só cuidar do país como da filha também! (Oliver James), e uma das minhas cenas favoritas a da festa  de aniversário da irmãs-gêmeas Pêra e Pêssego (sim,por estranho que pareça os nomes delas são esses mesmos) e ele está cantando  uma música muito linda  "Long Time Coming" (que adoro!) e  os dois ficam se olhando de uma maneira muito encantadora. Alias, a maioria das cenas em que os dois aparecem juntos são boas.
Mas é uma situação um pouco complicada, imagina só você ficar anos e anos longe de um pai que nem sabia que você existia, eu não sei se eu teria a coragem da Daphne de ir atrás. Uma das cenas mais engraçadas são as que os dois tentam escapar da empresa e começam a passear pelas ruas, e a cena que o pai dela começar a dançar na frente do espelho.Outro coisa que eu gosto muito nesse filme é o romance de Daphne com Ian. Ah! Não posso esquecer também que a trilha sonora é muito boa, sou apaixonada pela maioria das músicas, é difícil escolher a minha favorita, mas já que são muitas eu resolvi postar duas aqui para vocês,e o trailer também.Vejam abaixo:

Duncan Sheik - Half Life:




Daphne: A verdade é que algumas vezes, as coisas não são exatamente como você sempre imaginou...Elas são melhores ainda!
(Tudo Que Uma Garota Quer) 
Espero que gostem,e comentem :)

Comentários

  1. FELIZ DIA DOS NAMORADOS
    Olá!!!, Deus te abençoe, curtir o seu blog, post esta um show, lindo amei sucesso, já estou te seguindo,
    OBRIGADA PELA VISITA. Aguardando retribuição.
    Curta e participe do meu blog, fan Page, twitter, intragam e canal do youtube.
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas